Amigos seguidores

terça-feira, fevereiro 08, 2011

Show de 25 de dezembro, uma vergonha


O show do Roberto Carlos, realizado no dia 25 de dezembro de 2010, em Copacabana foi repleto de irregularidades. O show foi "bancado" pelo Prefeito Eduardo Paes, leia-se, dinheiro do povo, pelo valor de aproximadamente R$ 6,5 milhões de reais.  Através de um "contrato" assinado pela Riotur, no dia 20, a Rede Globo teve exclusividade de transmissão do show. Por outro lado, a Rede Globo vendeu quatro cotas de patrocínio, cada uma pelo valor de R$ 1,220 milhão, em suma, a Globo faturou quase R$ 5 milhões de reais às custas do dinheiro do povo. Em outras palavras, o Prefeito Eduardo Paes gastou R$ 6.5 milhões de reais do dinheiro do povo, para a Rede Globo ganhar R$ 5 milhões de reais. O advogado Marcelo Tavares tomou conhecimento dessas GRAVES denúncias, e entrou com uma AÇÃO POPULAR contra os responsáveis, entre eles, a Prefeitura do Rio de Janeiro, e o cantor Roberto Carlos. Um dos objetivos da ação é o ressarcimento do dinheiro do povo gasto nessa farra. O processo sob o nº 0002498-81.2011.8.19.0001 está tramitando na 13ª Vara da Fazenda Pública, e o juiz entendendo que a ação preenche os requisitos legais, determinou a citação dos réus e, após, irá decidir sobre o pedido de antecipação de tutela ( bloqueio dos bens dos acusados).

Nota do editor: nada contra a Prefeitura bancar o show para o povão, pois o carioca merece ver Roberto Carlos de graça. O problema é pegar um show aberto, pago com dinheiro público e dar exclusividade para que uma emissora de TV ganhe dinheiro em cima dele. Isso é sacanagem! 

Um comentário:

Alexandre Mauj Imamura Gonzalez disse...

agora tem replay dessa história: cidade do Samba. infelizmente aconteceu toda aquela desgraça, mas... lá vai o dinheiro público financiar festa da globo.

Compartilhe:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Posts Recentes