Amigos seguidores

segunda-feira, julho 16, 2012

O poder da flores

Flores ao longo da história humana têm desempenhado um grande papel na vida das pessoas. Elas estão sempre conosco: nos dias de festa ou nos cerimoniais de luto, nos momentos de alegria ou de tristeza, na excitação ou reflexão, na explosão de sentimentos ou harmonia. Quando experimentamos situações em que fica difícil verbalizar sentimentos, as flores tem o poder de expressa-los. No entanto, a função mais importante delas, parece ser a capacidade de induzir uma resposta emocional profunda na alma humana, orientando o pensamento melhor do que qualquer outro objeto. Este é um artigo dedicado a mostrar como as flores desenvolvem este poder de retratar, de forma silenciosa e ambígua, as mais fortes nuances do sentimento humano, seja de alegria, reflexão, harmonia ou tristeza. Siga o post.

Uma turista em Pequim, diante de um dos palácios da Cidade Proibida, usa a coroa de flores como forma de manifestar sua alegria por estar ali. (Foto: Jason Lee | Reuters)


Mulheres muçulmanas admiram a beleza e batem fotos de um jardim num parque de Amã, na Jordânia. (Foto por Zaki Ghawas | Reuters)


Durante um enterro em Trípoli, Líbia, em março do ano passado, um parente deposita uma flor sobre o túmulo de uma pessoa morta durante a operação militar internacional contra o regime que foi deposto naquele país. (Foto: Ahmed Jadallah | Reuters)


04 de abril - Dia Internacional Para a Educação Sobre o Risco das Minas. Neste dia, em uma área de Bogotá, foram depositadas mais de 9000 unidades de sapatos com os nomes das vítimas das minas terrestres na Colômbia. Num deles uma flor simbolizando o sentimento humano.(Foto: Fernando Vergara | AP)


Num parque de Amã, na Jordânia, uma abelha cumpre o seu ritual de polinização. Além dos simbolismos retratados neste artigo, as flores tem importância significativa no ecossistema do planeta. (Foto: Ali Jarekji | Reuters)



Uma mulher vai a um dos cemitérios de Pequim, na China, depositar flores junto ao túmulo do seu filho morto num acidente. (Foto: Andy Wong)



A designer russa Antonina Sharapova recebe flores durante a apresentação de sua coleção na Semana de Moda de Moscou. (Foto: Natalia Kolesnilova | AFP)



Um cidadão líbio saúda com flores os tripulantes de um navio turco que chegou na cidade portuária de Benghazi para evacuar feridos para tratamento na Turquia, durante o conflito do ano passado. (Foto: Mahmud Hams | AFP)



Um pássaro pousa no galho de uma Cerejeira em um parque em Tóquio, observando o movimento das pessoas. (Foto Yoshhikazu Tsuno | AFP)



A abelha e as flores de açafrão, num parque em Varsóvia, capital da Polônia. (Foto de Czarek Sokolowski | AP)



Um besouro azul-escuro também cumpre o seu papel na natureza sobre uma flor num parque de Londres, na Inglaterra. (Foto: Matt Cardy | Getty Images)



Um casal de muçulmanos imigrantes descansa entre os narcisos num parque em Londres, Inglaterra. (Foto por Oli Scarff | Getty Images)



Uma mulher se emociona diante das flores no "Dia Memorial 29 de Março", na estação "Lubianka", de Moscou. Dois anos atrás, no metrô de Moscou, duas explosões produzidas por homens bombas da República Separatista do Daguestão, mataram 40 e feriram 88 pessoas. (Foto: Natalia Kolesnikova | AFP)



Dia Memorial 25 de Março. Flores são depositadas na cena de um incêndio na fábrica da Triangle Shirtwaist, em Nova York, onde ocorreu há 100 anos um incêndio que matou 146 trabalhadores imigrantes, a maioria mulheres jovens. (Foto: Eric Thayer | Getty Images)



As flores de Cerejeira espocam na primavera num dos parques de Colônia, na Alemanha. (Foto: Rolf Vennenbernd | AFP)



Flores são depositadas diante do Palácio Real em Mônaco, durante o funeral da princesa Antonieta, a irmã mais velha do príncipe Rainier III, defensora dos direitos dos animais que morreu aos 90 anos, em março do ano passado. (Foto: Lionel Cironneau | Piscina foto)



Flores depositadas no local de uma vala comum das vítimas do terremoto e tsunami que atingiu o Japão, na cidade de Miyagi, em março do ano passado. (Foto: Yuriko Nakao | Reuters)



Soldado iemenita guarda as flores coloridas recebidas de cidadãos que se manifestavam no Iêmen num comício anti-governo, exigindo a saída do presidente Ali Abdullah Saleh. Uma flor contra as armas. (Foto Ammar Awad | Reuters)



A família do presidente Mauricio Funes, de El Salvador, se prepara para receber com flores o presidente dos EUA, Barack Obama e sua esposa, que chegaram aquele país em visita oficial. (Foto: Jason Reed | Reuters)



As flores tomam conta do festival da Primavera na Índia. (Foto: Getty Imagens)



Uma idosa descansa num banco e observa o parque tomado por açafrões na cidade de Duesseldorf, Alemanha. (Foto: Patrik Stollarz | AFP)


Mulher bate fotos num parque florido de Washington, EUA. (Foto: Jewel Samad | AFP)


Turistas batem fotos diante de um pé de cerejeira num parque em Pequim. (Foto: Ng Han Guan | AP)


Cidadão levanta uma flor durante uma manifestação reprimida pelas forças do exército na Síria. Flores contra as armas. (Foto: Gety Imagens)

8 comentários:

Jaqueline Cristina disse...

As flores têm o poder de nos enfeitiçar... remete-nos a sensações sobrenaturais ambíguas.
Sejam com aroma ou com o aspecto visual, mas elas mexem conosco.

Rita Freitas disse...

A beleza da natureza!!
É incrível como conseguimos admirá-la mas não conseguimos aprender com ela!

Gostei muito (como sempre)

Beijos

Cris Campos disse...

As flores são lindas e efêmeras! No entanto em sua breve existência transformam e encantam. Penso que nos nossa vida tb deveria ser assim... ou não? Gr. Bj. Milton! Por aqui no serrado tb temos uma flor bem típica: a flor do ipê! Fantástica! Tenho uma foto que valia muito te mandar pena que não dá. Linda semana pra ti Milton!

Milton disse...

Jaqueline, querida! Verdadeiramente elas nos enfeitiçam.
Bjos e volte sempre!

Milton disse...

Ritinha! Sim sempre admiramos, mas não conseguimos aprender. É dos homens, que se dizem inteligentes, mas não respeitam a sua própria casa, a natureza.

Milton disse...

Cris!
Obrigado mais uma vez pela visita. Só gostaria de saber porque não envias a foto? Terei um enorme prazer de publicá-la.
Bjs

Marina Linhares disse...

As flores encantam com sua beleza natural.
O perfume... as cores... os formatos diferentes... é tudo mágico.

*╰☆Nefertari╮*☆ * disse...

Querido Milton, que bela postagem. Amo as flores. Se eu pudesse, teria um jardim (literalmente, rsrsrs) das mais variadas espécies, principalmente as tulipas. Encontrei um pequeno texto que acho que irá gostar e, aproveitando a deixa, irei cultivá-lo lá... em meu Jardim.

Viver como as flores

"Mestre, como faço para não me aborrecer?
Algumas pessoas falam demais, outras são ignorantes.
Algumas são indiferentes.
Sinto ódio das que são mentirosas.
Sofro com as que caluniam".

- "Pois viva como as flores!", advertiu o mestre.
- "Como é viver como as flores?" Perguntou o discípulo.
- "Repare nestas flores", continuou o mestre, apontando lírios que cresciam no jardim.
- "Elas nascem no esterco, entretanto são puras e perfumadas. Extraem do adubo malcheiroso tudo que lhes é útil e saudável, mas não permitem que o azedume da terra manche o frescor de suas pétalas. É justo angustiar-se com as próprias culpas, mas não é sábio permitir que os vícios dos outros o importunem. Os defeitos deles são deles e não seus. Se não são seus, não há razão para aborrecimento. Exercite, pois, a virtude de rejeitar todo mal que vem de fora. Isso é viver como as flores."

Beijos e fique com Deus.

Compartilhe:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Posts Recentes