Amigos seguidores

sexta-feira, agosto 10, 2012

Uma incrível história...

Essa é a "52 hertz" a baleia mais solitária do mundo. Segundo a Marinha dos Estados Unidos ela viaja já há muito anos nos mares e oceanos do planeta em solidão, já que nenhum outro similar da sua espécia responde as suas canções. Saiba porque seguindo o post. 

Baleias azuis circulam sozinhas nos oceanos emitindo sons em busca de parceiros para acasalamento, e com essa da foto, que pertence a família das "azuis", não era diferente. Só que em 1989 ela atraiu a atenção da Marinha dos EUA por emitir sons de comunicação incomuns para a frequência das baleias. A chamada detectada pelos sonares de vários navios que faziam uma operação de treinamento no Oceano Atlântico, veio a uma frequência de 52 Hertz, embora a gama normal para baleias azuis está na margem de 12 a 20 Hz. A baleia azul usa uma frequência como a das mais baixas notas no piano, enquanto esta utiliza uma frequência de oito notas mais altas. A partir daí, com a ajuda do Departamento de Estado de Ciência e Tecnologia, a Marinha americana passou a monitorar a "52 Hertz"


Durante todos esses anos os cientistas rastreiam os seus movimentos através dos oceanos e comprovadamente ela nunca acasalou. Como os próprios cientistas imaginam, isso deve acontecer porque os sons que ela emite são numa frequência tão alta, que não conseguem ser detectados pelos parceiros.   


Ninguém sabe por que essa baleia das fotos, a baleia mais solitária do mundo, tornou-se assim. Alguns cientistas acreditam que ela é um híbrido de duas espécies da família das "azuis", outros que ela é o último representante de espécies desconhecidas para nós. Seja o que for, ela provavelmente foi condenada a vagar pelo resto de sua vida na solidão.
 

2 comentários:

Marina Linhares disse...

Nossa! Deve ser um horror viver na solidão assim... coitada...

Cores da Vida... disse...

Bateu-me tristeza...!!

Compartilhe:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Posts Recentes