Amigos seguidores

segunda-feira, setembro 03, 2012

A vida no meio de um lago

O Lago Baikal, situado ao Sul da Sibéria, é um lugar maravilhoso que parece poderoso tanto no inverno como no verão. É o mais antigo lago do mundo, estando lá há 25 milhões de anos atrás, e com seus 744 m de profundidade, detém a marca do mais profundo do planeta Terra. Dentro dele podem ser encontradas 26 ilhas, mas a de Olkhon é a maior e mais importante. No verão, pode ser alcançada pela água através de uma balsa que está disponível  de maio a dezembro. No inverno do Hemisfério Norte, de dezembro a início de maio, o lago fica completamente coberto de gelo. Vamos visitar o local e desfrutar de sua beleza. As fotos foram postadas por starbeak@livejournal.com



Uma das lendas relacionadas com a ilha, diz que Olkhon é o lugar onde o "conquistador do Universo" foi sepultado. Isso era como os contemporâneos usavam para chamar Genghis Khan, o grande conquistador mongol do início do século 13. A população local pede aos turistas para não cortar flores silvestres ou matar animais e utilizar as estradas antigas, caso você queira ir de carro. É que Olkhon, que já tem um solo frágil demora muito tempo para recuperar devido ao forte inverno que a castiga. Se você quiser se encontrar no meio do nada, vá para Olkhon.










A rocha chamada Shamanka é considerada sagrada. É conectada com a ilha através de um pequeno istmo e contém uma larga caverna. Somente os Xamãs  podiam entrar na caverna habitada por espíritos antigos. Um cemitério de xamãs está localizado nas proximidades.



















6 comentários:

*Escritora de Artes* disse...

Que imagens mais lindas...

Adoreiiii!

Abçs

Marina Linhares disse...

Espetáculo de lugar. Um sonho...

Rita Freitas disse...

Lugares tão bonitos e recôndidos que o nosso planeta tem!

Lindo! Obrigado por partilhar

Beijos

Edu. Matos disse...

Espetáculo.... Sem dúvida alguma, um lugar lindíssimo.
Cumprimentos

Isa Lisboa disse...

De ficar sem fôlego!

Ailime disse...

Locais lindos, calmos, paradisíacos.
E é por isto que acredito que o nosso Universo não foi obra do acaso.
Um beijinho.

Compartilhe:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Posts Recentes