Amigos seguidores

segunda-feira, abril 01, 2013

Uma das "cidades fantasmas" do Japão

No reflexo do espelho, em um cruzamento de pedestres abandonado,
aparece o carro do Google Street View que fez o trabalho.
Já se passaram dois anos desde o terremoto seguido de tsunami no Japão, o mais poderoso da história do país, e um dos maiores conhecidos pela humanidade. As sequelas existem até hoje por toda a região litorânea da Costa Leste japonesa, mas a grande tristeza mesmo são as "cidades fantasmas" que existem numa grande área em torno da usina "Fukushima-1", para sempre uma zona de trânsito com alta contaminação radioativa, onde as pessoas nunca serão capazes de voltar para casa. Uma dessas cidade é Namie, famosa pela sua magnífica paisagem, florestas e montanhas. Namie não chegou a ser totalmente destruída. Muitas das casas e prédios, situados em pontos mais altos da cidade, não tiveram quase nenhum prejuízo, todavia 21.000 pessoas foram evacuadas às pressas da cidade em 2011. Sem poder retornar recorreram ao Google no final do ano passado, pedindo-lhes para mostrar o estado em que a cidade de encontra. A convite das autoridades locais, o projeto do Google Street View, que permite que se veja vistas panorâmicas de ruas, chegou em Namie, e assim os antigos moradores foram capazes de ver as casas abandonadas, e os efeitos do desastre natural. Este post é um passeio virtual por essa cidade fantasma japonesa num total de 31 fotos cedidas pelo Google Street View. 


Nos andares superiores dos conjuntos residenciais, não atingidos pelas águas, tudo está intocado, 
como foi deixado pelos moradores.


Parte do barco acabou parando dentro do prédio.


Os restos de um carro.


Algumas casas não resistiram a força das águas e acabaram desabando.


Aqui as águas atingiram até o segundo piso.


Um dos vários prédios bem conservados de Namie.

Não muito longe da costa do Pacífico a destruição foi maior, apesar que algumas estruturas se mantiveram de pé.

Essa casa de dois andares resistiu, mas sofreu com a destruição no piso térreo.


Um volkswagen Beetle ainda conservado, apesar da ação do tempo.


O antigo porto de pesca - a "casa" de 140 embarcações que simplesmente sumiram com o tsunami.
 

Essa casa veio parar no meio da rua.

Tratores e carros destruídos pelas águas e abandonados ao lado do campo.


A maioria das estradas nesta cidade fantasma acaba em becos sem saída.


Carros arrastados pelas águas até os campos.


O prédio da prefeitura de Namie.


Os corvos resistem a radiação e tomam conta da ponte.


Trator abandonado é tomado pelo mato.


A entrada do complexo da Escola local.


A sala das aulas de informática.


Os lavatórios da escola atingida.

Uma sala do jeito que fiou quando abandonada.


Mais uma casa que não resistiu a força das águas.


O ginásio de esportes da escola.


O estacionamento de bicicletas na estação ferroviária.

A natureza está começando a tomar conta das ruas e prédios da cidade de Namie.


O cemitério, bastante destruído e totalmente abandonado.


Muitas das embarcações de pesca foram parar terra à dentro, a quilômetros do porto.


Mais uma casa destruída.


Uma loja e suas máquinas de venda automática, do jeito que ficaram quando a cidade foi evacuada.

Nenhum comentário:

Compartilhe:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Posts Recentes